Conselheiros

  • Conselho Deliberativo - biênio 2015/2016 (atuação voluntária):

    Fabíola de Almeida (empreendedora social) e Gustavo Grando (empreendedor social)

    Fabíola Ribeiro, agroecóloga. Graduação em Zootecnia pela Universidade Federal do Paraná (2009). Gustavo Grando, agroecólogo. Graduação em Agronomia pela Universidade Federal do Paraná (2006). Pós-graduação lato sensu em Agroecologia Aplicada. Membro da Rede Ecovida de Agroecologia. Membros da Rede Brota Cerrado de Cultura e Agroecologia. Membros da Rede Povos da Mata Atlântica do Sul da Bahia. Consultores em agroecologia pela Empresa IGEMAN Engenharia. De família de agricultores, desde a infância entre os animais e a floresta, seguindo os ensinamentos tradicionais dos avós! Durante a graduação já atuava junto ao GEAE (grupo de agroecologia da UFPR) em pesquisas e, em parceria com os agricultores da Rede Ecovida, numa feira agroecológica dentro da Universidade. Após a graduação, buscando novos conhecimentos e experiências, viajaram para a Nova Zelândia e alguns países da Ásia a fim de conhecer a consciência e a produção agroecológica desses povos!

    Narjara Thamiz (consultora)

    Desde que me conheço por gente tenho 2 grandes amores, as pessoas e a natureza. O desejo de entender os mistérios humanos, conhecer as histórias e poder ajudar me moveram a estudar psicologia. A graduação em Psicologia me levou a trabalhar com desenvolvimento humano e coaching, em organizações. Me especializei em diferentes áreas como educação, desenvolvimento humano, áreas terapêutica e administrativa. Fiz formação em Biologia Cultural pelo Instituto Matriztica, pós-graduação em monitoramento estratégico pela Fundação Instituto de Administração e Mestrado em Economia Internacional e Globalização pela Université Pierre Mendès France, para citar algumas. Atuei como consultora organizacional com foco em desenvolvimento humano e práticas de gestão colaborativa, durante mais de 10 anos, mas faltava integrar meu segundo amor à minha vida, a natureza. Consegui isso, finalmente, em 2012, mudando para o Sul da Bahia, muito inspirada por essa integração entre pessoas e natureza que o Mecenas da Vida vive tão harmonicamente. Hoje me dedico a ser terapeuta, trazendo não só o campo emocional e os sistemas familiares, mas também os florais e a espiritualidade.

    Sandra Marchesini (engenheira elétrica)

    Desde a infância vivenciando a natureza na Fazenda Aroeira, cuja propriedade era do avô, em Cairú (BA). Fato que inspirou sua carreira profissional de 30 anos na COELBA onde, em 1978, ainda como estagiária pela UFBA, iniciou sua trajetória passando por oito diferentes áreas da companhia. Com grande capacidade de liderança, negociação e coordenação de equipes, em 2001, foi convidada a assumir e organizar o setor de meio ambiente. Em 2002 a COELBA financiou sua graduação como Mestra em Meio Ambiente, também pela UFBA, como parte de um Projeto de Pesquisa e Desenvolvimento coordenado pela ANEEL, cuja dissertação recebeu o Prêmio Bahia Ambiental, na categoria Ideia Sustentável. Participou de dezenas de Conferências, Seminários, Fóruns, Encontros e Worshops nas áreas de meio ambiente e responsabilidade social, dentro e fora do Brasil. Sócia Fundadora da Associação Latino Americana de Avaliação de Impacto e Membro da Associação Internacional de Resíduos Sólidos-ISWA. Trabalha sempre com muita energia e amor, procurando agregar valor a tudo o que faz.

    Thomas Ufer (consultor)

    "Muito cedo se apaixonou pela temática da sustentabilidade, e hoje enxerga que seu propósito de vida é inspirar a liderança que nutre a plenitude da vida. Engenheiro de computação pela Poli-USP, atuou por 3 anos como engenheiro ambiental em projetos de gestão de resíduos sólidos e créditos de carbono. Fez pós-graduação em 'Gestão Ambiental e Negócios no Setor Energético' no IEE-USP, e em 'Biopsicologia' pelo Instituto Visão Futuro. Trabalha com facilitação de processos participativos, desenvolvimento humano e organizacional desde 2005, e é co-fundador da CoCriar, empresa a qual se dedica integralmente hoje. Tem uma conexão muito especial com o sul da Bahia, região tão rica em vida, com sua mata atlântica e calor humano."

  • Conselho Fiscal - biênio 2015/2016 (atuação voluntária):

    André Moraes (empreendedor social)

    Gilberto Alves de Lima (agricultor tradicional)

    “Seu Beca” é, assumidamente, um sonhador e, essencialmente, apaixonado pela natureza. Nascido na região cacaueira do Sul da Bahia, de família simples, desde cedo teve uma vida de muito trabalho. Foi trabalhador rural, mascate e feirante, mas sempre alimentou o sonho de um dia ser um produtor de cacau. No início da década de 90, com a criação do Assentamento Rural da Marambaia, no município de Itacaré, se tornou proprietário de uma área de 25 hectares e vislumbrou a possibilidade de realizar o seu sonho. Depois de alguns anos, derrubando e queimando árvores com a esperança de implantar as roças de cacau em terras pouco propícias para essa cultura, passou a se dedicar ao plantio de mandioca. “Seu Beca” aprendeu sobre a importância das florestas para a vida e, a partir de então, se transformou num guardião das matas da sua propriedade. Hoje, já é aposentado como agricultor e o que mais gosta de fazer é receber pessoas nas trilhas do seu sítio para palestrar e declamar versos que ele próprio compõe em homenagem às florestas.

    Miguel Bonfim de Souza (agricultor tradicional)

    Agricultor tradicional da comunidade de São Gonçalo, no distrito de Taboquinhas (Itacaré-BA). Um ser visionário e um batalhador incansável que sempre colocou seu trabalho e sua energia a serviço do bem coletivo. Sua visão do bem comum o levou ao mandato de um ano como vereador, mas desiludido com os vícios da prática política desistiu da carreira e voltou às origens da agricultura. Pessoa amiga e com grande carisma, Miguel Bonfim teve um papel fundamental como articulador nos primeiros anos do programa Turismo CO2 Legal, junto aos agricultores de Taboquinhas, contribuindo com a sua visão clara sobre os desafios da agricultura familiar na região, realizando a ponte entre o Movimento Mecenas da vida e os agricultores. Sempre é muito especial chegar à sua casa e encontrar o sorriso amigo e acolhedor.

    Raquel Davi (consultora)

    Consultora em comunicação e facilitação de processos participativos e inovação organizacional. Formada em Ciências Jurídicas, fez pós-graduação em Gestão Empresarial na FGV e em “Biopsicologia” pelo Instituto Visão Futuro.

    Facilitadora da Metodologia Dragon Dreaming que aplica no Projeto Florescer em andamento em Serra Grande, Bahia desde 2013.

    Regina Toffoli (microempresária)

    Desenhista Industrial, formada na segunda turma da Universidade Mackenzie, teve uma trajetória profissional eclética, atuando na área industrial, de pesquisa e referências e, desde 2002, na área gráfica. Em 2006, junto com seus sócios fundou a Makak Comunicação que em 2008 mudou-se para Serra Grande. Nestes últimos anos de caminhada foram muitos os aprendizados e as descobertas de atuação: social, empresarial e humana. Re tem buscado construir, junto com atores naturais de Serra Grande, a comunicação comunitária que faça chegar até os locais isolados, as informações necessárias ao seu desenvolvimento.

    Ubaldo Ferreira (empresário)

  • 1



Trabalhamos para democratizar a conservação ambiental e integrá-la ao desenvolvimento humano.

Reconhecidos pela UNESCO!

Nossas Parcerias

Rede nas parcerias institucionais, com os colaboradores e com os participantes Turismo CO2 Legal!

Conheça-os!

Rede Colaborativa

  • Saiba como cooperar, solidarizar, agir sinergeticamente, participar, otimizar, sustentar-habilidades...

    LEIA +

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4

Contato

  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  55 + (73) 9996-1575
  Rua Marquês de Paranaguá, 200 - Caixa Postal 209 - Centro, Ilhéus (BA) - Brasil - CEP.: 45653-970